Leonardo Antunes: João e Maria: Dúplice coroa de sonetos fúnebres (2017)

Leonardo Antunes, autor do livro João e Maria: Dúplice coroa de sonetos fúnebres (Patuá, 2017), é poeta, tradutor e professor de Língua e Literatura Grega na UFRGS. Nasceu em São Paulo, em 1983, e fez graduação, mestrado e doutorado na USP. Em 2012, publicou sua dissertação de mestrado, Ritmo e sonoridade na poesia grega antiga: uma tradução comentada de 23 poemas, em que traduziu uma coleção de poetas gregos antigos, como Safo, Anacreonte, Arquíloco e Píndaro. Atualmente trabalha em uma tradução rítmica e musicada para o Édipo Rei, de Sófocles, e na edição da poesia completa de Anacreonte e dos Hinos Homéricos.

 

 

Os poemas a seguir foram selecionados do livro João e Maria: Dúplice coroa de sonetos fúnebres (Patuá, 2017). A obra é composta de duas coroas de sonetos e, nesta publicação estão três sonetos consecutivos da segunda coroa – Maria.

 

 

I

 

Maria trabalhava todo dia
Das catorze às dezoito, com direito
A um suco de laranja e um prato feito
Assim que ela chegasse, ao meio-dia.

Depois que ela almoçava então vestia
Seu uniforme, punha sobre o peito
O crachá com seu nome rarefeito
E registrava o horário em que o fazia

Tinha três filhos, uma mãe doente,
Dois cachorros sem raça definida
E um barraco não seu, mas alugado.

Por isso, sujeitava-se, temente,
Àquilo, porque assim ganhava a vida
Num açougue nos fundos do mercado.

 

(mais…)