Lilian Sais: Passo imóvel (2018)

Lilian Sais é escritora e uma das fundadoras da plataforma de ensino Literartéria. Doutora em Letras e pesquisadora e tradutora da área de grego antigo, é paulistana de nascença e fumante assídua por opção. Leitora voraz da literatura brasileira contemporânea, gosta de samba, cerveja e poesia e é defensora da boemia, de piadas ruins e das conversas descompromissadas de mesa de bar. Os amigos dizem que é uma peste, mas que cozinha bem. Ela nega.

 

 

Os poemas a seguir foram selecionados da obra Passo imóvel (Editora Cozinha Experimental, 2018).

 

 

.

 

há ausências demais
no entorno da mesa,

como cubos mágicos
só montáveis
por daltônicos:

desses labirintos
só saio
com venda

 

.

 

três da madrugada
amplia tudo

conheço de cor
o silêncio

palavras batem
no fígado

e estouram no céu
da boca,

mas não ultrapassam
a barreira

dos dentes
cerrados.

como larvas,
sambam sobre tumba

pretérita.

bebo uma taça
de vinho,

profundamente,

e meu olhar agravado
denuncia:

esse inventário
não está

completo

 

.

 

não é sina pouca
percorrer no futuro
passos passados:

silencia sinos.

peço,
de trago em trago

que entre
potência e exaustão

eu ainda seja
possível.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *